6 de set de 2010

Sua Amizade é Muito Valiosa

Um dos maiores privilégios que tenho na vida,
é ser uma grande amiga dessa pessoa iluminada.
Ela é uma das melhores pessoas que cruzaram minha história.
Para os que não a conhecem,
vou dizer que ela é amiga,
generosa,
meiga,
alegre,
caridosa,
encantadora,
admirável,
enfim poderia ficar dias e dias tecendo elogios a ela,
mas resumindo vou dizer que a amo,
e que ela é um desses anjos que Deus
coloca na terra para alegrar os caminhos
dos que têm o privilégio do seu convívio,
Assim como eu...

Autor Desconhecido

Blog coisas do Coração

Z4p47bl

Blog coisas do Coração

Faça alguém feliz

Dê um beijo, um abraço,
um passo em sua direção...
Aproxime-se sem cerimônia...
Dê um pouco do seu calor
e do seu sentimento...
Sente-se perto
e deixe-se ficar algum tempo,
ou muito tempo...
Não conte o tempo de se dar
e aprenda a burlar a superficialidade...
Sonhe o sonho sem dúvidas,
deixe o sorriso acontecer,
rasgue o preconceito,
olhe nos olhos,
aponte um defeito com jeito,
respeite uma lágrima...
Ouça uma estória,
ou muitas,
com atenção...
Irradie simplicidade,
simpatia , energia,
e não se espante
se a pessoa mais feliz for você...

Autor Desconhecido

Blog coisas do Coração

Zom7pdc

Blog coisas do Coração

Um Abraço Diz

Abraços são dados de muitas formas
e com diferentes significados.
Têm abraços que dizem:
"Fico muito contente com a sua amizade..."
Existem abraços que expressam o orgulho
que se sente por alguém especial!...
Também há abraços que dizem:
"Não existe ninguém no mundo igual a você..."
Há abraços doces e ternos
que são dados em momentos de tristeza...
Com um abraço também podemos dizer:
"Sinto muito",
quando alguém está passando por um momento difícil...
Há abraços que damos, para dizer:
"Que bom que você veio",
e outros que dizem:

 

"Sentirei sua falta quando você estiver longe de mim..."
E não faltam esses abraços perfeitos para fazer as pazes...
E os abraços cheios de carinho,
que nascem do coração...
Como você vê,
existem abraços para diferentes ocasiões;
abraços rápidos e abraços demorados,
um para cada razão...
Porém, de todos os abraços,
o mais carinhoso é aquele que diz:
"Você está sempre no meu pensamento
porque eu te quero muito!"
(E sempre será assim!)

(Desconheço Autor)

Blog coisas do Coração

Zdq4itb

Blog coisas do Coração

Mensagem de Incentivo ao Amigo

Está mensagem é para te alegrar e te dar forças para enfrentar esta fase, que está sendo tão difícil de encarar.
Faça de seus pensamentos a força de que está precisando.
Esqueça as coisas ruins e limpe a mente cultivando somente bons pensamentos.
Acredite no sucesso total, não imagine obstáculos na sua mente.
Tudo que uma pessoa é capaz de planejar, ela é capaz de realizar.
Tenha fé, otimismo e ação. Sua vida só você a vive.
Portanto goste mais, acredite mais, e seja mais feliz.
Procure plantar sementes de amor e otimismo na sua vida e você colhera sempre maravilhosos frutos.
Eu acredito em você.
Autor Desconhecido

Blog coisas do Coração

Ziqnm92

Blog coisas do Coração

Como é a Amizade...

Amigos sabem quando serão amigos, pois compartilham momentos...
Dão Força...
Estão sempre ao nosso lado...
Seja nas conquistas ou nas derrotas!!!
Nas horas boas... E nas difíceis...
Amizade nem sempre é pensar do mesmo jeito...
Mas abrir mão de vez em quando...
Amizade é como ter um irmão...
Que não mora na mesma casa...
É compartilhar segredos...
Emoções...
É compreensão...
É diversão...
É contar com alguém...
Sempre que precisar...
É ter algo em comum...
E não ter nada em comum...
É não ter nada em comum mesmo!!!
É saber que se tem mais em comum do que se imagina...
É sentir saudade...
É querer dar um tempo...
É dar preferência...
É bater um ciuminho...
Amizade que é amizade nunca acaba...
Mesmo que a gente cresça...
Mesmo que outras pessoas apareçam no nosso caminho!
Porque amizade não se explica!
Ela simplesmente acontece..

(Autor Desconhecido)

Blog coisas do Coração

Se Um Cão Fosse Seu Professor...

Você aprenderia coisas assim:
Quando alguém que você ama chega em casa, corra ao seu encontro.
Nunca perca uma oportunidade de ir passear de carro.
Permita-se experimentar o ar fresco do vento no seu rosto.
Mostre aos outros que estão invadindo o seu território.
Tire uma sonequinha no meio do dia e espreguice antes de levantar.
Corra, pule e brinque todos os dias.
Tente se dar bem com o próximo e deixe as pessoas te tocarem.
Não morda quando um simples rosnado resolve a situação.
Em dias quentes, pare e role na grama, beba bastante líquidos e deite debaixo da sombra de uma árvore.
Quando você estiver feliz, dance e balance todo o seu corpo.
Não importa quantas vezes o outro te magoa, não se sinta culpado...volte e faça as pazes novamente.
Aproveite o prazer de uma longa caminhada.
Se alimente com gosto e entusiasmo.
Coma só o suficiente.
Seja leal.
Nunca pretenda ser o que você não é.
Se você quer se deitar embaixo da terra, cave fundo até conseguir.
E o MAIS importante de tudo...
Quando alguém estiver nervoso ou triste, fique em silêncio, fique por perto e mostre que você está ali para confortar.
A amizade verdadeira não aceita imitações!!!
E NÓS PRECISAMOS APRENDER ISTO COM UM
ANIMAL QUE, DIZEM, É IRRACIONAL...

(Desconheço Autoria)

Blog coisas do Coração

Como é a Amizade...

Amigos sabem quando serão amigos, pois compartilham momentos...
Dão Força...
Estão sempre ao nosso lado...
Seja nas conquistas ou nas derrotas!!!
Nas horas boas... E nas difíceis...
Amizade nem sempre é pensar do mesmo jeito...
Mas abrir mão de vez em quando...
Amizade é como ter um irmão...
Que não mora na mesma casa...
É compartilhar segredos...
Emoções...
É compreensão...
É diversão...
É contar com alguém...
Sempre que precisar...
É ter algo em comum...
E não ter nada em comum...
É não ter nada em comum mesmo!!!
É saber que se tem mais em comum do que se imagina...
É sentir saudade...
É querer dar um tempo...
É dar preferência...
É bater um ciuminho...
Amizade que é amizade nunca acaba...
Mesmo que a gente cresça...
Mesmo que outras pessoas apareçam no nosso caminho!
Porque amizade não se explica!
Ela simplesmente acontece..

(Autor Desconhecido)

Blog coisas do Coração

Razão, Estação ou Vida Inteira...

Pessoas entram na sua vida por uma "Razão",
uma "Estação" ou uma "Vida Inteira".
Quando você percebe qual deles é,
você vai saber o que fazer por esta pessoa.
Quando alguém está em sua vida por uma "Razão"... é,
geralmente, para suprir uma necessidade que você demonstrou.
Elas vêm para auxiliá-lo numa dificuldade,
te fornecer orientação e apoio, ajudá-lo física,
emocional ou espiritualmente.
Elas poderão parecer como uma dádiva de Deus, e são!
Elas estão lá pela razão que você precisa que eles estejam lá.
Então, sem nenhuma atitude errada de sua parte,
ou em uma hora inconveniente,
esta pessoa vai dizer ou fazer alguma coisa
para levar essa relação a um fim.
Ás vezes, essas pessoas morrem.
Ás vezes, eles simplesmente se vão.
Ás vezes, eles agem e te forçam a tomar uma posição.
O que devemos entender é que nossas necessidades
foram atendidas, nossos desejos preenchidos
e o trabalho delas, feito.
As suas orações foram atendidas.
E agora é tempo de ir.
Quando pessoas entram em nossas vidas por uma "Estação",
é porque chegou sua vez de dividir, crescer e aprender.
Elas trazem para você a experiência da paz, ou fazem você rir.
Elas poderão ensiná-lo algo que você nunca fez.
Elas, geralmente, te dão uma quantidade enorme de prazer...
Acredite! É real! Mas somente por uma "Estação".
Relacionamentos de uma "Vida Inteira"
te ensinam lições para a vida inteira:
coisas que você deve construir para ter
uma formação emocional sólida.
Sua tarefa é aceitar a lição, amar a pessoa,
e colocar o que você aprendeu em uso em todos
os outros relacionamentos e áreas de sua vida.
É dito que o amor é cego,
mas a amizade é clarividente.

(Desconheço Autoria)

Blog coisas do Coração

Por Favor Me Toque.

6929612Dlarge

Se sou seu bebê, por favor, me toque!
Preciso de seu afago de uma maneira que talvez nunca saiba.
Não se limite a me banhar, trocar minha fralda e me alimentar,
Mas me embale estreitado, beije meu rosto e acaricie meu corpo,
seu carinho gentil e confortador, transmite segurança e amor!

756771-large

Se sou sua criança, por favor me toque!
Ainda que eu resista e até o rejeite.
Insista, descubra um jeito de atender minha necessidade.
Seu abraço de boa noite ajuda a adoçar meus sonhos.
Seu carinho de dia me diz o que você sente de verdade.

625081-large

Se sou seu adolescente, por favor me toque!
Não pense que eu, por estar quase crescido,
já não precise saber que você ainda se importa.
Necessito de seus braços carinhosos,
preciso de uma voz terna.
Quando a vida fica difícil, a criança em mim volta a precisar.

756331-large

Se sou seu amigo,
por favor me toque!
Nada como um abraço afetuoso
para eu saber que você se importa.
Um gesto de carinho quando estou deprimido me garante que sou amado, e me reafirma que não estou só.
Seu gesto de conforto talvez seja o único que eu consiga.

295196-large

Se sou seu parceiro sexual, por favor me toque!
Talvez você pense que sua paixão basta,mas só seus braços detém meus temores.
Preciso de seu toque terno e confortador, para me lembrar de que sou amado apenas porque sou eu.

756589-large

Embora eu possa até ter minha própria família para abraçar,
ainda preciso dos braços de mamãe e papai quando me machuco.

754743-large

Se sou seu filho adulto, por favor me toque!
Como pai, a visão é diferente,
eu os estimo mais.

Z69fhpp

Se sou seu pai idoso,
Por favor, me toque!
Do jeito que me tocaram quando era bem pequeno.
Segure minha mão, dê-me força e aqueça meu corpo cansado com sua proximidade.
Minha pele, ainda que muito enrugada, adora ser afagada.
Não tenha medo. Apenas me toque!

6929612Dlarge

(Davis Phyllis K.)     ///Blog coisas do Coração

Inveja

Você tem inveja do seu colega de trabalho? Você é daqueles que costuma vasculhar as folhas de pagamento dos colegas, na ânsia de descobrir injustiças cometidas pelo seu patrão?
Você sente inveja quando um colega é promovido? Ou quando recebe um pequeno aumento salarial? Acredita que você seja um injustiçado, que seu esforço não está sendo visto?
Então conheça a história de Álvaro, um desses funcionários insatisfeitos com seu patrão.
Ele trabalhava em uma empresa há 20 anos. Funcionário sério, dedicado, cumpridor de suas obrigações.
Um belo dia, ele foi ao dono da empresa para fazer uma reclamação. Disse que trabalhava ali há 20 anos com toda dedicação, mas se sentia injustiçado. O Juca, que havia começado há apenas três anos, estava ganhando muito mais do que ele.
O patrão fingiu não ouvir e lhe pediu que fosse até a barraca de frutas da esquina. Ele estava pensando em oferecer frutas como sobremesa ao pessoal, após o almoço daquele dia, e queria que ele verificasse se na barraca havia abacaxi.
Álvaro não entendeu direito mas obedeceu. Voltando, muito rápido, informou que o moço da barraca tinha abacaxi.
Quando o dono da empresa lhe perguntou o preço ele disse que não havia perguntado. Como também não sabia responder se o rapaz tinha quantidade suficiente para atender todos os funcionários da empresa. Muito menos se ele tinha outra fruta para substituir o abacaxi, neste caso.
O patrão pediu a Álvaro que se sentasse em sua sala e chamou o Juca. Deu a ele a mesma missão que dera para Álvaro:
- Estou querendo dar frutas como sobremesa ao nosso pessoal hoje. Aqui na esquina tem uma barraca. Vá até lá e verifique se eles têm abacaxi.
Oito minutos depois, Juca voltou com a seguinte resposta: eles têm abacaxi e em quantidade suficiente para todo o nosso pessoal. Se o senhor preferir, têm também laranja, banana, melão e mamão. O abacaxi está r$ 1,50 cada, a banana e o mamão a r$ 1,00 o quilo, o melão r$ 1,20 a unidade e a laranja r$ 20,00 o cento, já descascada.
Como falei que a compra seria em grande quantidade, ele dará um desconto de 15%. Deixei reservado. Conforme o senhor decidir, volto lá e confirmo.
Agradecendo pelas informações, o patrão dispensou Juca. Voltou-se para Álvaro e perguntou:
- O que é mesmo que você estava querendo falar comigo antes?
Álvaro se levantou e se encaminhando para a porta, falou:
- Nada sério, patrão. Esqueça. Com sua licença.
Muitas vezes invejamos as posições alheias. Sem nos apercebermos que as pessoas estão onde estão e têm o que têm porque fizeram esforços para isso.
Invejamos os que têm muito dinheiro, esquecidos de que trabalharam para conseguir. Se foi herança, precisam dar muito duro para manter a mesma condição.
Invejamos os que se sobressaem nas artes, no esporte, na profissão. Esquecemos das horas intermináveis de ensaios para dominar a arte da dramatização, da música, da impostação de voz. Não nos recordamos dos treinamentos exaustivos de bailarinos, jogadores, nem das horas de lazer que foram usadas para estudos cansativos pelos que ocupam altos cargos nas empresas.
O melhor caminho não é a inveja. É a tomada de decisão por estabelecer um objetivo e persegui-lo, até alcançá-lo, se esforçando sem cessar.

 Blog coisas do Coração

OgAAACilcO9mTFClSBHyxBjXHbfmodfyu15ry1LjWwnn2H_GF6ClCgVKy9--9ELgQHZxBTekHpCUKSzGkM2dN0pk0yUAm1T1UCghWDnPY8bQ4bFhcHEhzL1UY4oW

Blog coisas do Coração

MORADA NO CÉU

Um homem muito rico morreu e foi recebido no céu.
O anjo guardião levou-o por várias alamedas e foi mostrando-lhe as casas e moradias.
Passaram por uma linda casa com belos jardins.
O homem perguntou: «Quem mora ai?"
O anjo respondeu: "É o Raimundo, aquele seu motorista que morreu no ano
passado.
O homem ficou pensando: Puxa! O Raimundo tem uma casa dessas!
Aqui deve ser muito bom!
Logo a seguir surgiu outra casa ainda mais 'bonita. "E aqui, quem mora?»
Perguntou o homem.
O anjo respondeu: "Aqui é a casa da Rosalina, aquela que foi sua cozinheira."
O homem ficou imaginando que, tendo seus empregados magníficas residências, sua morada deveria ser no mínimo um palácio.
Estava ansioso por vê-la.
Nisso o anjo parou diante de um barraco construído com tábuas e disse:
"Esta é a sua casa!"
O homem ficou indignado. "Como é possível! Vocês sabem construir coisa
muito melhor.
"Sabemos - respondeu o anjo - mas nós construímos apenas a casa.
O material são vocês mesmos que selecionam e nos enviam lá de baixo.
Você só enviou isso!"
Moral da história
Cada gesto de amor e partilha é um tijolo com o qual construímos a
eternidade.
Tudo se decide por aqui mesmo, nas escolhas e atitudes de cada
dia.
Não devemos dizer a Deus que temos grandes problemas, mas dizer aos
problemas que temos um grande Deus...
Autor Desconhecido

Blog coisas do Coração

Z1b4xwzp

Blog coisas do Coração

Deus Não Erra

Há muito tempo, num Reino distante, havia um Rei que não acreditava na bondade de Deus. Tinha, porém, um súdito que sempre lhe lembrava dessa verdade. Em todas situações dizia:
"- Meu Rei, não desanime, porque Tudo que Deus faz é Perfeito. Ele Nunca erra!"
Um dia, o Rei saiu para caçar juntamente com seu súdito, e uma fera da floresta atacou o Rei. O súdito conseguiu matar o animal, porém não evitou que sua Majestade perdesse o dedo mínimo da mão direita.
O Rei, furioso pelo que havia acontecido, e sem mostrar agradecimento por ter sua vida salva pelos esforços de seu servo, perguntou a este:
"- E agora, o que você me diz? Deus é bom? Se Deus fosse bom eu não teria sido atacado, e não teria perdido o meu dedo."
O servo respondeu:
"- Meu Rei, apesar de todas essas coisas, somente posso dizer-lhe que Deus é bom, e que mesmo isso, perder um dedo, é para seu bem! Tudo que Deus faz é Perfeito. Ele Nunca erra !!!"
O Rei, indignado com a resposta do súdito, mandou que fosse preso na cela mais escura e mais fétida do calabouço.
Após algum tempo, o Rei saiu novamente para caçar e aconteceu dele ser atacado, desta vez por uma tribo de índios que vivia na selva. Estes índios eram temidos por todos, pois sabia-se que faziam sacrifícios humanos para seus deuses.
Mal prenderam o Rei, passaram a preparar, cheios de júbilo, o ritual do sacrifício. 
Quando já estava tudo pronto, e o Rei já estava diante do altar, o sacerdote indígena, ao examinar a vitima, observou furioso:
"- Este homem não pode ser sacrificado, pois é defeituoso! Falta-lhe um dedo!"
E o Rei foi libertado. Ao voltar para o palácio, muito alegre e aliviado, libertou seu súdito e pediu que viesse em sua presença. 
Ao ver o servo, abraçou-o afetuosamente dizendo-lhe:
"- Meu Caro, Deus foi realmente bom comigo! Você já deve estar sabendo que escapei da morte justamente porque não tinha um dos dedos. 
Mas ainda tenho em meu coração uma grande duvida: Se Deus é tão bom, por que permitiu que você fosse preso da maneira como foi? Logo você, que tanto o defendeu!?"
O servo sorriu e disse:
"- Meu Rei, se eu estivesse junto contigo nessa caçada, certamente seria sacrificado em teu lugar, pois não me falta dedo algum! 
Portanto, lembre-se sempre: 
TUDO O QUE DEUS FAZ É PERFEITO. ELE NUNCA ERRA!"

De MERLANIO MAIA

Z1ounklb

Blog coisas do Coração

"A LENDA DAS LÁGRIMAS"

Contam as lendas que, quando o Criador concluiu a sua obra, dividiu-a em departamentos e os confiou aos cuidados dos Anjos. Após algum tempo, o Todo Poderoso resolveu fazer uma avaliação da sua criação e convocou os servidores para uma reunião. O primeiro a falar foi o Anjo das luzes. Postou-se respeitosamente diante do Criador e lhe falou com entusiasmo: "Senhor, todas as claridades que criastes para a Terra continuam refletindo as bênçãos da sua misericórdia.
O Sol ilumina os dias terrenos com os resplendores divinos, vitalizando todas as coisas da natureza e repartindo com elas o seu calor e a sua energia. Deus abençoou o Anjo das luzes, concedendo-lhe a faculdade de multiplicá-las na face do mundo.
Depois foi a vez do Anjo da terra e das águas, que exclamou com alegria:
"Senhor, sobre o mundo que criastes, a terra continua alimentando fartamente todas as criaturas; todos os reinos da natureza retiram dela os tesouros sagrados da vida. E as águas, que parecem constituir o sangue bendito da sua obra terrena, circulam no seio imenso, cantando as suas glórias.
O Criador agradeceu as palavras do servidor fiel, abençoando-lhe os trabalhos.
Em seguida, falou radiante, o Anjo das árvores e das flores.
"Senhor, a missão que concedestes aos vegetais da Terra vem sendo cumprida com sublime dedicação. As árvores oferecem sua sombra, seus frutos e utilidades a todas as criaturas, como braços misericordiosos do vosso amor paternal, estendidos sobre o solo do planeta.
Logo após falou o Anjo dos animais, apresentando a Deus seu relato sincero.
Os animais terrestres, Senhor, sabem respeitar as suas leis e acatar a sua vontade. Todos têm a sua missão a cumprir, e alguns se colocam ao lado do homem, para ajudá-lo. As aves enfeitam os ares e alegram a todos com suas melodias admiráveis, louvando a sabedoria do seu Criador.
Deus, jubiloso, abençoou seu mensageiro, derramando-lhe vibrações de agradecimento.
Foi quando, então, chegou a vez do Anjo dos homens. Angustiado e cabisbaixo, provocando a admiração dos demais, exclamou com tristeza:
"Senhor, ai de mim! Enquanto meus companheiros falam da grandeza com que são executados seus decretos na face da Terra, não posso afirmar o mesmo dos homens...
Os seres humanos se perdem num labirinto formado por eles mesmos. Dentro do seu livre-arbítrio criam todos os motivos de infelicidade. Inventaram a chamada propriedade sobre os bens que Lhe pertencem inteiramente, e dão curso ao egoísmo e a ambição pelo domínio e pela posse. Esqueceram-se totalmente do seu Criador e vivem se digladiando.
Deus, percebendo que o Anjo não conseguia mais falar porque sua voz estava embargada pelas lágrimas, falou docemente:
Essa situação será remediada. Alçou as mãos generosas e fez nascer, ali mesmo no céu, um curso de águas cristalinas e, enchendo um cântaro com essas pérolas líquidas, entregou-o ao servidor, dizendo:
Volta à Terra e derrama no coração de meus filhos este líquido celeste a que chamarás água das lágrimas...
Seu gosto é amargo, mas tem a propriedade de fazer que os homens me recordem, lembrando-se da minha misericórdia paternal. Se eles sofrem e se desesperam pela posse passageira das coisas da Terra, é porque me esqueceram, esquecendo sua origem divina.
... E desde esse dia o Anjo dos homens derrama na alma atormentada e aflita da humanidade, a água bendita das lágrimas remissoras.
A lenda encerra uma grande verdade: cada criatura humana, no momento dos seus prantos e amarguras, recorda, instintivamente, a paternidade de Deus e as alvoradas divinas da vida espiritual

Autor Desconhecido

Blog coisas do Coração

imagem_msga269

Blog coisas do Coração

Você Se Esqueceu

Quando você se levantou pela manhã, 
Eu já havia preparado o sol para aquecer o seu dia e o alimento para a sua nutrição.
Sim, Eu providenciei tudo isso enquanto vigiava o seu sono,
a sua família e a sua casa.
Esperei pelo seu Bom-Dia, mas você esqueceu...
Bem, você parecia ter tanta pressa que Eu o perdoei. 
O sol surgiu, as flores ofereceram o seu perfume, a brisa da manhã o acompanhou e você nem notou que Eu havia preparado tudo isso.
Seus familiares sorriram para você, seus colegas o saudaram, você trabalhou, estudou, viajou, realizou negócios, alcançou vitórias, mas não percebeu que Eu estava cooperando com você e teria ajudado mais se você tivesse Me dado chance...
Eu sei, você corre tanto... Eu o perdoei.
Você leu bastante, ouviu tanta coisa, viu mais ainda, e não teve tempo de ler nem ouvir a Minha palavra.
Eu quis falar, mas você não parou para ouvir.
Eu quis até aconselha-lo, mas você nem pensou nessa possibilidade.
Seus olhos, seus pensamentos, seus lábios seriam melhores.
O mal seria menos em sua vida.
A Chuva que caiu à tarde eram Minhas lágrimas por sua ingratidão, mas também Minha benção a terra para que não lhe faltasse o pão e a água.
Findou o seu Dia.
Você voltou para casa.
Mandei a lua e as estrelas tornarem a noite mais bonita para lembrar-lhe Meu amor.
Certamente, agora você vai dizer Obrigado e Boa-noite.
Psiu... Ei, está ouvindo?
Já dormiu.
Que pena! Boa-noite, durma bem, Eu fico velando por você
Blog coisas do Coração

af615png

Blog coisas do Coração

Oi Jesus...

"Cada dia, ao meio-dia, um pobre velho entrava na igreja e, poucos minutos depois saía. Um dia, o sacristão perguntou-lhe o que vinha fazer (pois havia objetos de valor na igreja).
- Venho rezar. Respondeu o velho.
- Mas é estranho, pois você sai tão depressa. Disse o sacristão.
- Bem, retrucou o velho, eu não sei recitar aquelas orações compridas. Mas todo dia, ao meio-dia, eu entro na igreja e só digo: "- Oi Jesus, é o Zé".
Num minuto já estou de volta. É só uma oraçãozinha, mas tenho certeza que Ele me ouve.
Alguns dias depois, o Zé sofreu um acidente e foi internado num hospital. Na enfermaria, passou a exercer uma grande influência sobre todos: os doentes mais tristes tornaram-se os mais alegres, muitas risadas passaram a ser ouvidas.
- Zé, disse-lhe um dia a Irmã, os outros doentes dizem que foi você quem mudou tudo aqui na enfermaria. Eles dizem que você está sempre tão alegre que contagia os demais!
- É verdade, Irmã. Estou sempre alegre. É por causa daquela visita que recebo todo dia. Faz-me feliz.
A Irmã ficou atônita. Já tinha notado que a cadeira encostada na cama do Zé estava sempre vazia. O Zé era um velho solitário, sem ninguém.
- Que visita? A que horas?
- Todos os dias, respondeu Zé, com um brilho nos olhos. Todos os dias, ao meio-dia, Ele vem, fica ao pé da cama.
- Quando olho para Ele, Ele sorri e diz : "- Oi Zé, é o Jesus".

Blog coisas do Coração

Mais Alguma Reclamação?

Antigamente tudo era melhor...
O mundo vai mal...
O governo só faz política! A Prefeitura é inoperante...
A própria igreja estacionou...
A minha promoção não sai...O carro não pega...
O sinal ainda está fechado!
Meu time perdeu...Que calor insuportável!
Minha mulher só reclama...
Os amigos sumiram...Essas crianças não param de chorar...
O táxi não aparece... Como está suja esta cidade!
Meu chefe não me compreende...
E essa fila não anda...
Ninguém reconhece meu trabalho...
Os preços não param de subir...Meu telefone vive enguiçado...
Que vida!...
Mais alguma reclamação?
Se eu tivesse nascido em berço de ouro...
Se meus pais fossem mais inteligentes...
Se eu ganhasse na megasena...
Se não houvesse tanta gente atrapalhando minha vida...
Se eu conseguisse um diploma sem precisar estudar...
Por que a gente luta, sofre, apanha tanto neste “Vale de Lágrimas”?
Pois é...
O local onde Jesus nasceu era emprestado;
O burrico que Ele montou era emprestado;
Os pães e peixes que Ele multiplicou eram emprestados;
A sala onde Ele instituiu a Eucaristia era emprestada;
O barco onde Ele viajou era emprestado;
O túmulo onde Ele foi sepultado era emprestado;
SÓ A CRUZ ERA DELE !
Mais alguma reclamação?
Autoria Desconhecida

Blog coisas do Coração

E DEUS DISSE NÃO "

Eu pedi a Deus para remover meu orgulho, e Deus disse "Não".
Ele disse que não era tarefa dele, mas que era para eu abrir mão,
Eu pedi a Deus para tornar meu irmão paraplégico em criança normal, 
e Deus disse "Não".
Ele disse que o Espírito é imortal e o corpo é temporário.
Eu pedi a Deus para me dar paciência, e Deus disse "Não".
Ele disse que paciência é subproduto a tribulação, e que deveria ser conquistada.
Eu pedi a Deus para me dar felicidade, e Deus disse "Não".
Ele disse que me da bênçãos. Felicidade depende de mim.
Eu pedi a Deus para dividir minha dor com Ele, e Deus disse "Não".
Ele disse que o sofrimento nos afasta das coisas mundanas e nos deixa mais perto Dele.
Eu pedi a Deus para fazer o meu Espírito crescer e Deus disse "Não".
Ele disse que devo crescer por meus esforços, mas Ele aparara minhas arestas para que eu frutifique.
Eu perguntei a Deus se Ele me amava,
Ele me disse "SIM", agora e sempre.
Eu pedi a Deus para me ajudar a amar os outros tanto quanto Ele me ama.
E Deus disse : "Ah, finalmente você entendeu !"

Autor Desconhecido

Blog coisas do Coração

O Ferreiro

Era uma vez um ferreiro que, após uma juventude cheia de excessos, resolveu entregar sua alma a Deus.
Durante muitos anos trabalhou com afinidade, praticou a caridade, mas, apesar de toda sua dedicação, nada parecia dar certo na sua vida. 
Muito pelo contrário: seus problemas e dívidas acumulavam-se cada vez mais.
Uma bela tarde,um amigo que o visitara , e que se compadecia de sua situação difícil , comentou: É realmente estranho que, justamente depois que você resolveu se tornar um homem temente a Deus, sua vida começou a piorar.
Eu não desejo enfraquecer sua fé,mas apesar de toda a sua crença no mundo espiritual, nada tem melhorado".
O ferreiro não respondeu imediatamente.
Ele já havia pensado nisso muitas vezes,sem entender o que acontecia em sua vida.
Entretanto, como não queria deixar o amigo sem resposta, começou a falar e terminou encontrando a explicação que procurava.
Eis o que disse o ferreiro: Eu recebo nesta oficina o aço ainda não trabalhado e preciso transformá-lo em espadas.
Você sabe como isto é feito? Primeiro eu aqueço a chapa de aço num calor infernal,até que fique vermelha.
Em seguida, sem qualquer piedade, eu pego o martelo mais pesado e aplico golpes até que a peça adquira a forma desejada.
Logo, ela é mergulhada num balde de água fria e a oficina inteira se enche com o barulho do vapor,enquanto a peça estala e grita por causa da súbita mudança de temperatura.
Tenho que repetir esse processo até conseguir a espada perfeita: uma vez apenas não é suficiente".
O ferreiro deu uma longa pausa,acendeu um cigarro e continuou: As vezes, o aço que chega até minhas mãos não consegue agüentar esse tratamento.
O calor, as marteladas e a água fria terminam por enchê-lo de rachaduras.
E eu sei que jamais se transformará numa boa lâmina de espada.
Então, eu simplesmente o coloco no monte de ferro-velho que você viu na entrada de minha ferraria.
Mais uma pausa e o ferreiro concluiu: Sei que Deus está me colocando no fogo das aflições.
Tenho aceito as marteladas que a vida me dá, e às vezes sinto-me tão frio e insensível como a água que faz sofrer o aço.
Mas a única coisa que peço é: Meu Deus, não desista, até que eu consiga tomar a forma que o Senhor espera de mim.
Tente da maneira que achar melhor, pelo tempo que quiser mas jamais me coloque no monte de ferro-velho das almas.

Autor Desconhecido

Blog coisas do Coração

Hospital do Senhor

Fui ao Hospital do Senhor para fazer exame de rotina e constatei que estava Doente.
Quando Jesus mediu minha pressão, verificou que estava baixa de Ternura.
Ao tirar a temperatura, o termômetro registrou quarenta graus de Egoísmo.
Fiz um eletrocardiograma e diagnosticaram que eu necessitava de uma ponte de Amor, pois minhas veias estavam bloqueadas por não abastecer meu Coração Vazio.
Ortopédicamente, tinha dificuldade de Andar Lado a Lado e não conseguia Abraçar os Irmãos, por Ter fraturado o braço ao tropeçar na minha Vaidade.
Tinha miopia, constada por Não Enxergar Além das Aparências.
Queixei-me de não poder ouvi-lo, diagnosticou bloqueio em decorrência das Palavras Vazias do dia a dia .
Obrigado Senhor por não Ter custado nada a consulta, pela sua grande Misericórdia.
Mas prometo, após ser medicado e receber alta do Hospital do Senhor, somente usar os remédios naturais que me indicou e, que estão no receituário do Evangelho de Jesus Cristo vou tomar ao levantar, chá de Obrigado Senhor.
Ao entrar no trabalho, uma colher de sopa de Bom dia Irmãos.
E, de hora em hora, um comprimido de Paciência, lógico, com meio copo de Humildade.
Senhor, ao chegar em casa, vou tomar uma injeção de Amor e ao deitar, duas cápsulas de Consciência Tranqüila.
Assim, tenho certeza, não ficarei mais doente.
Prometo prolongar esse Tratamento Preventivo por toda minha vida para que quando me chamar, seja por Morte Natural.
Obrigado Senhor e perdoe-me por Ter tomado o seu tempo.
O seu Eterno paciente. Amém!

Autor Desconhecido

Blog coisas do Coração

Deus

Passei tanto tempo te procurando
Não sabia onde estavas,olhava para o infinito, e não te via.
E pensava comigo mesmo,será que tu existes??
Não me contentava com a busca e prosseguia,
Tentava te encontrar nas religiões e nos templos.
Tu também não estavas.
Te busquei através dos sacerdotes e pastores.
Também não te encontrei.
Senti-me só,vazio,desesperado e descri.
E na descrença te ofendi,
E na ofensa tropecei,
E no tropeço cai,
E na queda senti-me fraco
Fraco procurei socorro
No socorro encontrei amigos
Nos amigos encontrei carinho
No carinho eu vi nascer o amor
Com amor eu vi um mundo novo.
E no mundo novo resolvi viver...
O que recebi,resolvi doar
Doando alguma coisa muito recebi
E em recebendo senti-me feliz
E ao ser feliz,encontrei a paz
E tendo a paz foi que enxerguei
Que dentro de mim é que tu estavas
E sem procurar-te Foi que te encontrei.

Blog coisas do Coração

Colo de Jesus

Um casal de ateus tinha uma filha
e jamais havia dito sequer
uma palavra de Deus para a criança.
Uma noite, quando a menina
contava com seus 5 anos de idade,
em meio a uma briga,
o pai atirou na mãe,
na frente da criança,
e depois se matou
A menina assistiu a tudo.
Após a tragédia,
ela foi mandada para um orfanato.
A senhora que tomava conta
do orfanato era cristã, muito devota,
e “apresentou” Deus para a criança.

No primeiro dia da catequese a senhora,
informando à professora que a menina
nunca ouvira falar sobre Jesus Cristo,
pediu-lhe que tivesse paciência com ela.

A catequista, então,
mostrando uma foto de Jesus
ás crianças, questionou:

- Alguém sabe me dizer Quem é este?

E a menina levantou a mãozinha e disse:
- Eu conheço, é o homem que estava
me segurando no colo
no dia que meus pais morreram.

Colaboração: Célia

Blog coisas do Coração

Escolha o tamanho da sua cruz

Cláudio vivia reclamando da vida, dizia que já não agüentava mais tanto sofrimento, contas para pagar, aluguel, comida, ônibus lotado e etc...
Um dia no meio de suas reclamações, apareceu-lhe Deus e disse:
Cláudio porquê reclamas tanto da vida ???
E ele, meu Deus não agüento mais esta minha cruz, ela é muito pesada para mim.
Então Deus pensou um pouco e disse: Bom apesar de reclamar muito da vida, você tem sido um bom homem, então vou deixar que você escolha a cruz que deseja carregar...
Cláudio ficou muito contente...
Deus então mandou Cláudio entrar numa sala e escolher a cruz que achasse melhor...
Cláudio entrou na sala e ficou olhando para cada tipo de cruz que havia na sala, desde uma gigantesca até uma pequenina no canto da sala.
Então Cláudio que não era bobo, correu e agarrou a pequena e gritou para Deus...
Pronto já escolhi !!! Eu quero esta pequenina aqui !!!!
Deus então mandou Cláudio olhar atrás da cruz e ler em voz alta o nome que estava gravado nela.
Cláudio, virou-a e viu seu nome gravado nela...
Moral da História: Temos a mania de transformar uma simples garoa em uma tempestade...
PARE !!!
REFLITA A RESPEITO DOS PROBLEMAS,
E ENTÃO VOCÊ ENCONTRARA
A MELHOR SOLUÇÃO PARA SEU PROBLEMA.....
Autor desconhecido

Blog coisas do Coração

heavenpic

Blog coisas do Coração

O Barbeiro

Um dia um homem foi ao barbeiro.
Enquanto tinha seus cabelos sendo cortados,
conversava com o barbeiro. Falava da vida e
de Deus. Daí a pouco, o barbeiro, incrédulo, não
agüentou e falou:
- Deixa disso, meu caro, Deus não existe.
- Por que?
- Se Deus existisse, não haveria tantos doentes,
mendigos, pobres... Olhe em volta e veja quanta
tristeza. É só andar pelas ruas e enxergar.
- Bem, essa é a sua maneira de pensar, não é?
- Sim, claro.
Pois bem. O freguês pagou o corte e foi saindo,
quando avistou imediatamente um maltrapilho imundo,
com longos cabelos, barba desgrenhada, suja, abaixo
do pescoço. Não agüentou, deu meia volta e interpelou
o barbeiro:
- Sabe, não acredito em barbeiros.
- Como assim?
- Se existissem barbeiros, não haveriam pessoas de
cabelos e barbas compridas.
- Ora, existem tais pessoas porque evidentemente não
vem a mim, não vão ao barbeiro. Eu não tenho culpa.
- Ah... Agora eu entendi porque você não acredita
em Deus.

Blog coisas do Coração

comingagaintop

Blog coisas do Coração

Deus Está Sempre ao Seu Lado

Oi,
Como você acordou esta manhã?
Eu vi você e esperei pensando que você falaria comigo, mesmo que fosse apenas umas poucas palavras, querendo saber minha opinião sobre alguma coisa ou mesmo me agradecendo por algo bom que aconteceu em sua vida ontem. 
Mas eu notei que você estava muito ocupado tentando encontrar uma roupa que ficasse boa em você para ir para o trabalho.
Então, eu esperei outra vez. Quando você correu pela casa de um lado pro outro já pronto, eu sabia eu estava lá. Seriam certamente poucos minutos para você parar e dizer alô, mas você estava realmente muito ocupado.
Mas por um momento você pensou que tinha que esperar 15 minutos e gastou este tempo apenas sentado em uma cadeira fazendo nada, estava apenas sentado.
Então, eu vi você se mexer rapidamente olhando para os seus pés que se movimentavam, e eu pensei que você queria falar comigo, mas você correu para o telefone e ligou para um amigo para contar as ultimas fofocas. 
Eu vi você quando você foi para o trabalho, e eu esperei pacientemente o dia inteiro. 
Com todas as suas atividades, eu achei que você estaria realmente muito ocupado para dizer-se alguma coisa.
Eu notei que antes do almoço você olhou ao seu redor, talvez você se sentiu sem jeito ou com vergonha de falar comigo, isto e, porque você não inclinou sua cabeça. Você procurou observar 3 ou 4 mesas e notou alguns de seus amigos falando comigo brevemente antes deles começarem a comer, mas você não falou comigo.
Tudo bem! Ainda existe mais tempo que sobrará hoje, e eu tenho esperança
que você ira falar comigo ainda. Mas você foi para casa e parecia que tinha muitas e muitas coisas para fazer ainda hoje. Depois de você ter terminado algumas delas, você ligou a televisão.
Eu não sei se você gosta ou não de ver televisão, mas apenas por estar lá assistindo, você gastou muito do seu tempo, quase todo o seu tempo em frente da TV, não pensando em nada mais, apenas curtindo o programa.
Eu esperei pacientemente outra vez enquanto você estava assistindo TV e comeu a sua comida, mas mais uma vez você não falou comigo!
Hora de ir para cama, hora de dormir. Eu acho que você deve estar muito cansado. Depois você disse boa noite para a sua família, pulou na sua cama, caiu no sono e dormiu rapidamente. 
Tudo bem, ok, porque talvez você não saiba que eu sempre estou lá com você, sempre do seu lado para você.
Eu tenho muita paciência muito mais do que você pode imaginar.
Eu mesmo, quero ensinar para você como ser paciente com as outras pessoas e como ser bom. Eu amo tanto você que eu espero todos os dias eu espero por um sinal seu, um simples inclinar de cabeça, uma oração, um pensamento ou um agradecimento por parte de seu coração. 
Sabe, é muito difícil em uma conversa só existir um lado, só um conversar.
Bom, você vai se levantar outra vez para um novo dia, e mais uma vez, e mais outra vez , e outra vez, e serão muitas vezes ainda que eu estarei lá talvez esperando por nada, mas com muito amor para você, esperando que hoje você possa me dar alguma atenção, um pouco de seu tempo.
Tenha um bom dia! E uma boa noite pois mesmo durante o seu sono estou zelando pôr você
Seu sempre amigo,
Deus.

Autor Desconhecido

Blog coisas do Coração

Olsen04

Blog coisas do Coração

A loja De Deus

Entrei e vi um Anjo no balcão.
Maravilhado lhe disse:
-Santo Anjo do Senhor, o que vendes?
Respondeu-me:
- Todos os dons de Deus.
-Custa muito?
- Não. Tudo é de graça.
Contemplei a loja e vi: jarros e vidros de fé,pacotes de
esperança, caixinhas de salvação e sabedoria.
Tomei coragem e pedi:
- Por favor, quero muito amor de Deus,todo perdão de Deus,vidros de fé,felicidade,salvação eterna para mim e para minha família.
O Anjo do Senhor preparou um pequeno embrulho que
cabia na minha mão.
- É possível tudo aqui?
O Anjo respondeu-me sorrindo:
- Meu querido irmão, na loja de Deus não vendemos frutos,
apenas sementes...
(Autor desconhecido

Blog coisas do Coração
Olsen11

Blog coisas do Coração

As Caixas De Deus

Tenho em minhas mãos duas caixas que Deus me deu para guardar.
Ele disse: "Coloque todas as suas tristezas na preta, e todas as suas alegrias na dourada".
Eu atendi Suas palavras, e nas duas caixas tanto minhas alegrias quanto minhas tristezas guardei.
Mas, embora a dourada ficasse cada dia mais pesada, a preta era tão leve quanto antes.
Curioso, abri a preta, eu queria descobrir porque ainda continuava como antes, e vi na base da caixa, um buraco pelo qual minhas tristezas saiam.
Mostrei o buraco a Deus, e pensei alto, "Gostaria de saber onde minhas tristezas podem estar"
Ele sorriu gentilmente para mim.
"Meu filho, elas estão aqui comigo"
Perguntei: "Deus, porque dar-me as caixas, porque a dourada e a preta com o buraco?"
"Meu filho, a dourada é para você contar suas bênçãos, a preta é para você deixar ir embora".
Autor Desconhecido

Blog coisas do Coração

Z13hxtiy

Blog coisas do Coração

Copo de Leite

Um dia, um rapaz pobre que vendia mercadorias de

porta em porta para pagar seus estudos,

viu que só lhe restava uma simples moeda de

dez centavos e tinha fome.
Decidiu que pediria comida na próxima casa.

Porém, seus nervos o traíram quando uma encantadora

mulher jovem lhe abriu a porta. Em vez de comida,

pediu um copo de água.
Ela achou que o jovem parecia faminto e assim lhe

deu um grande copo de leite. Ele bebeu

devagar e depois lhe perguntou:
Quanto lhe devo?
Não me deves nada -respondeu ela. E continuou:
Minha mãe sempre nos ensinou a nunca aceitar

pagamento por uma oferta caridosa.
Ele disse:
Pois te agradeço de todo coração.
Quando Howard Kelly saiu daquela casa,

não só se sentiu

mais forte fisicamente, mas também sua

fé em Deus ficou mais forte.
Ele já estava resignado a se render e deixar tudo. 
Anos depois, essa jovem mulher ficou

gravemente doente.
Os médicos locais estavam confusos.

Finalmente a enviaram à cidade grande,

onde chamaram um especialista para estudar

sua rara enfermidade.
Chamaram o Dr.Howard Kelly.

Quando escutou o nome do povoado de onde ela viera,

uma estranha luz encheu seus olhos.
Imediatamente, vestido com a sua bata de médico,

foi ver a paciente.
Reconheceu imediatamente aquela mulher e

determinou-se a fazer o melhor para salvar aquela vida.
Passou a dedicar atenção especial aquela paciente.
Depois de uma demorada luta pela vida da enferma,

ganhou a batalha.
O Dr. Kelly pediu a administração do hospital

que lhe enviasse a fatura total dos gastos.
Ele conferiu, depois escreveu algo e mandou

entrega-la no quarto da paciente.

Ela tinha medo de abri-la, porque sabia que

levaria o resto da sua vida para pagar todos os gastos.
Finalmente abriu a fatura e algo lhe chamou a atenção,

pois estava escrito o seguinte:
Totalmente pago há muitos anos com um

copo de leite

(assinado). Dr. Howard Kelly. 
Lágrimas de alegria correram de seus olhos e

seu coração feliz orou assim:
Graças meu Deus porque teu amor se manifestou

nas mãos e nos corações humanos.

Autor desconhecido

Blog coisas do Coração

desculpa

Blog coisas do Coração

A Roseirinha Torta

Era uma vez um homem que possuía um grande jardim, onde foram cultivadas as mais variadas flores. Perto desse jardim morava um menino que amava muito as plantas. Muitas vezes ele abandonava os brinquedos e encostava o rosto na cerca para olhar o jardim e admirar o colorido das flores. O garoto também tinha o seu canteirinho na frente da casa. Possuía uma pá, um regador mas não tinha ainda nenhuma muda de flor para plantar.
O dono desse grande jardim é muito estranho - pensou o menino. Ele não tem o menor cuidado com as suas plantas. Não limpa os canteiros, não afofa a terra e nem a rega com freqüência.
Um dia, quando o homem visitava o seu jardim, parou em frente a uma pequena roseira torta com apenas umas poucas folhinhas verdes. Chamando o empregado, disse-lhe:
- Arranque esta roseirinha. Ela nunca produzirá flores. Atire-a para fora da cerca.
E o empregado fez exatamente como ele mandou. Naquele dia, quando o garoto voltava da escola, viu a roseirinha arrancada na beira da cerca e monologou:
- Pobre roseirinha! Como ele teve coragem de arrancá-la... Aí onde a jogaram, você nunca dará rosas. Vou colocá-la no meu canteiro e cuidar de você.
Chegando em casa, trocou a roupa e, juntando a pá e o regador com água, cavou bem no centro do seu canteirinho, revirou a terra e ali depositou a roseirinha torta, deixando-a na melhor posição possível. Não se descuidou da planta. O calor do sol a aquecia, ele a regava e algumas vezes a chuva a refrescava. Um dia, ele reparou que nela surgia um botãozinho verde. A mãe lhe explicou que dali certamente sairia uma bonita rosa. De fato, na semana seguinte ele olhou da janela e, radiante, chamou sua mãe. Nem podia esperar se vestir... Desabrochava uma linda rosa branca da roseirinha torta.
Cada pessoa que por ali passava, naquele dia, parava para admirar a pequena roseira com a sua única rosa branca. À tardinha, o garoto ouviu uma voz do outro lado da cerca. Era o dono do grande jardim que dizia:
- Que rosa lindíssima tem aí no seu canteirinho, meu filho. É mais rara e mais bonita do que qualquer uma das minhas. Como foi que você a conseguiu?
- O senhor não se lembra daquela roseirinha torta que mandou arrancar e jogar fora? Pois é ela. Eu a apanhei murcha, ressecada e a plantei. Colaborei com o Pai do céu no cuidado com a planta e ela cresceu e produziu já esta bonita rosa - respondeu o menino.
O dono do grande jardim compreendeu a lição e saiu repetindo para si mesmo a expressão do menino:
- Colaborei com o Pai do céu no cuidado com a planta e ela cresceu...
Autor Desconhecido

Blog coisas do Coração

Z1ceitk0

Blog coisas do Coração

A Força do Amor

Como qualquer mãe, quando Karen soube que um bebê estava a caminho, fez todo o possível para ajudar o seu outro filho, Michael, com três anos de idade, a se preparar para a chegada. 
Os exames mostraram que era uma menina, e todos os dias Michael cantava perto da barriga de sua mãe. Ele já amava a sua irmãzinha antes mesmo dela nascer. 
A gravidez se desenvolveu normalmente.

No tempo certo, vieram as contrações. Primeiro, a cada cinco minutos; depois a cada três; então, a cada minuto uma contração. Entretanto, surgiram algumas complicações e o trabalho de parto de Karen demorou horas. Todos discutiam a necessidade provável de uma cesariana.

Até que, enfim, depois de muito tempo, a irmãzinha de Michael nasceu. 
Só que ela estava muito mal. Com a sirene no último volume, a ambulância levou a recém-nascida para a UTI neonatal do Hospital Saint Mary.

  Os dias passaram. A menininha piorava. O médico disse aos pais: "Preparem-se para o pior. Há poucas esperanças". Karen e seu marido começaram, então, os preparativos para o funeral.

Alguns dias atrás estavam arrumando o quarto para esperar pelo novo bebê. Hoje, os planos eram outros. 
Enquanto isso, Michael todos os dias pedia aos pais que o levassem para conhecer a sua irmãzinha.
"Eu quero cantar pra ela", ele dizia. A segunda semana de UTI entrou e esperava-se que o bebê não sobrevivesse até o final dela.

Michael continuava insistindo com seus pais para que o deixassem cantar para sua irmã, mas crianças não eram permitidas na UTI. Entretanto, Karen decidiu. Ela levaria Michael ao hospital de qualquer jeito. Ele ainda não tinha visto a irmã e, se não fosse hoje, talvez não a visse viva.


Ela vestiu Michael com uma roupa um pouco maior, para disfarçar a idade, e rumou para o hospital.
A enfermeira não permitiu que ele entrasse e exigiu que ela o retirasse dali. Mas Karen insistiu: 
"Ele não irá embora até que veja a sua irmãzinha!" Ela levou Michael até a incubadora. 
Ele olhou para aquela trouxinha de gente que perdia a batalha pela vida. Depois de alguns segundos olhando, ele começou a cantar, com sua voz pequenininha: "Você é o meu sol, o meu único sol. Você me deixa feliz mesmo quando o céu está escuro..." Nesse momento, o bebê pareceu reagir.

A pulsação começou a baixar e se estabilizou. Karen encorajou Michael a continuar cantando. "Você não sabe, querida, quanto eu te amo. Por favor, não leve o meu sol embora...
" Enquanto Michael cantava, a respiração difícil do bebê foi se tornando suave. "Continue, querido!", pediu Karen, emocionada.

"Outra noite, querida, eu sonhei que você estava em meus braços..." O bebê começou a relaxar. "Cante mais um pouco, Michael." A enfermeira começou a chorar. "Você é o meu sol, o meu único sol. Você me deixa feliz mesmo quando o céu está escuro... Por favor, não leve o meu sol embora..."
No dia seguinte, a irmã de Michael já tinha se recuperado e em poucos dias foi para casa.


O Woman's Day Magazine chamou essa história de "O milagre da canção de um irmão". Os médicos chamaram simplesmente de milagre.

Karen chamou de milagre do amor de Deus.
NUNCA ABANDONE AQUELE QUE VOCÊ AMA.

O AMOR É INCRIVELMENTE PODEROSO. 
Blog coisas do Coração

firststepstop

Blog coisas do Coração

Inocência...

Uma menininha, diariamente,
vai e volta andando até a escola.
Apesar do mau tempo daquela manhã
e de nuvens estarem se formando,
ela fez seu caminho diário.
Com o passar do tempo,
os ventos aumentaram e

junto os raios e trovões.
A mãe pensou que sua filhinha
poderia ter muito medo no caminho de volta
pois ela mesma estava assustada
com os raios e trovões.
Preocupada, a mãe rapidamente entrou

em seu carroe dirigiu pelo

caminho em direção à escola.
Logo ela avistou sua filhinha andando,
mas, a cada relâmpago, a criança
parava, olhava para cima e Sorria !!!.
Outro e outro trovão e, após cada um,
ela parava, olhava para cima e Sorria !!!
Finalmente, a menininha entrou no carro
e a mãe curiosa foi logo perguntando:
- "O que você estava fazendo?"
A garotinha respondeu:
-"Sorrindo! Deus não pára de tirar

fotos minhas!!"
Deixemos que toda inocência floresça

em nossos corações
para podermos ver a bela
e real felicidade que está nos momentos de simplicidade...

Blog coisas do Coração

Z1ybpukr

Blog coisas do Coração

O Espelho

Z1ekn0rq

Era uma vez, um homem que só via e realçava o mal em tudo o que fazia. Um dia ele morreu e "partiu dessa para uma melhor". Só que do lado de lá havia um companheiro que não largava do seu pé, e o acompanhava o tempo todo. Era um verdadeiro "mala": egoísta, pessimista, mal-humorado, critiqueiro, mal-agradecido, e que só sentia-se bem quando estava mal.
O homem, não o suportando mais, foi a um anjo e implorou: "Por favor, livra-me da companhia daquele sujeito, eu já não agüento mais..."
O anjo, entre admirado e compadecido, respondeu:
"Mas não há nenhum companheiro. Aqui só existe um sistema de espelhismo, que faz com que cada um veja e conviva com o que formou de si mesmo. Depende somente de você libertar-se dele."

Blog coisas do Coração

O MENINO E O CÃO

Um menino entra na loja de animais e
pergunta o preço dos filhotes à venda.
- Entre 30 e 50 dólares, respondeu o dono.
O menino puxou uns trocados do bolso e disse:
- Mas, eu só tenho 3 dólares...
- Poderia ver os filhotes?
O dono da loja sorriu e chamou Lady,
a mãe dos cachorrinhos, que veio correndo,
seguida de cinco bolinhas de pêlo.
Um dos cachorrinhos vinha mais atrás,
com dificuldade, mancando de forma visível.
O menino apontou aquele cachorrinho
e perguntou:
- O que é que há com ele?
O dono da loja explicou que o veterinário
tinha examinado e descoberto que ele tinha
um problema na junta do quadril,
mancaria e andaria devagar para sempre.
O menino se animou e disse com enorme
alegria no olhar:
- Esse é o cachorrinho que eu quero comprar!
O dono da loja respondeu:
- Não, você não vai querer comprar esse.
Se quiser realmente ficar com ele,
eu lhe dou de presente.
O menino emudeceu e, com os olhos marejados
de lágrimas, olhou firme para o dono
da loja e falou:
- Eu não quero que você o dê para mim
Aquele cachorrinho vale tanto quanto qualquer
um dos outros e eu vou pagar tudo.
Na verdade, eu lhe dou 3 dólares agora e
50 centavos por mês, até completar
o preço total.
Surpreso, o dono da loja contestou:
- Você não pode querer realmente comprar
este cachorrinho. Ele nunca vai poder correr,
pular e brincar com você e com os
outros cachorrinhos.
O menino ficou muito sério, acocorou-se
e levantou lentamente a perna esquerda
da calça, deixando à mostra a prótese
que usava para andar.
Olhou bem para o dono da loja e respondeu:
- Veja, não tenho uma perna... Eu não corro
muito bem e o cachorrinho vai precisar
de alguém que entenda isso.
Às vezes, desprezamos as pessoas
com que convivemos todos os dias, por causa
dos seus, "efeitos", quando na verdade
somos tão iguais ou pior do que elas.
Desconsideramos que essas mesmas pessoas
precisam apenas de alguém que as compreendam
e as amem, não pelo que elas poderiam fazer,
mas pelo que realmente são.
(Autor Desconhecido)

Blog coisas do Coração

0021

Blog coisas do Coração

A Missão

Era uma vez o jovem que recebeu do rei a tarefa de levar uma mensagem e alguns diamantes a um outro rei de uma terra distante.
Recebeu também o melhor cavalo do reino para levá-lo na jornada..
* Cuida do mais importante e cumprirás a missão! Disse o soberano ao se despedir.
Assim, o jovem preparou o seu alforje, escondeu a mensagem na bainha da calça e colocou as pedras numa bolsa de couro amarrada à cintura, sob as vestes.
Pela manhã, bem cedo, sumiu no horizonte.
E não pensava sequer em falhar.
Queria que todo o reino soubesse que era um nobre e valente rapaz, pronto para desposar a princesa.
Aliás, esse era o seu sonho e parecia que a princesa correspondia às suas esperanças.
Para cumprir rapidamente sua tarefa, por vezes deixava a estrada e pegava atalhos que sacrificavam sua montaria.
Assim, exigia o máximo do animal.
Quando parava em uma estalagem, deixava o cavalo ao relento, não lhe aliviava da sela e nem da carga, tampouco se preocupava em dar-lhe de beber ou providenciar alguma ração.
* Assim, meu jovem, acabas perdendo o animal, disse alguém.
* Não me importo, respondeu ele. Tenho dinheiro. Se este morrer, compro outro. Nenhuma falta fará!
Com o passar dos dias e sob tamanho esforço, o pobre animal não
suportando mais os maus-tratos, caiu morto na estrada.
O jovem simplesmente o amaldiçoou e seguiu o caminho a pé. Acontece que nessa parte do país havia poucas fazendas e eram muito distantes uma das outras.
Passadas algumas horas, ele se deu conta da falta que lhe fazia o animal. Estava exausto e sedento.
Já havia deixado pelo caminho toda a tralha, com exceção das pedras, pois lembrava da recomendação do rei:
"Cuida do mais importante!"
Seu passo se tornou curto e lento.
As paradas, freqüentes e longas.
Como sabia que poderia cair a qualquer momento e temendo ser assaltado, escondeu as pedras no salto de sua bota.
Mais tarde, caiu exausto no pó da estrada, onde ficou desacordado.
Para sua sorte, uma caravana de mercadores que seguia viagem para o seu reino, o encontrou e cuidou dele. Ao recobrar os sentidos, encontrou-se de volta em sua cidade. Imediatamente foi ter com o rei para contar o que havia acontecido e com a maior desfaçatez, colocou toda a culpa do insucesso nas costas do cavalo "fraco e doente" que recebera.
* Porém, majestade, conforme me recomendaste, "cuida do mais
importante", aqui estão as pedras que me confiaste.
Devolvo-as a ti. Não perdi uma sequer.
O rei as recebeu de suas mãos com tristeza e o despediu, mostrando completa frieza diante de seus argumentos.
Abatido, o jovem deixou o palácio arrasado.
Em casa, ao tirar a roupa suja, encontrou na bainha da calça a mensagem do rei, que dizia:
"Ao meu irmão, rei da terra do Norte!
O jovem que te envio é candidato a casar com minha filha.
Esta jornada é uma prova.
Dei a ele alguns diamantes e um bom cavalo.
Recomendei que cuidasse do mais importante.
Faz-me, portanto, este grande favor e verifica o estado do cavalo.
Se o animal estiver forte e viçoso, saberei que o jovem aprecia a fidelidade e força de quem o auxilia na jornada.
Se porém, perder o animal e apenas guardar as pedras, não será um bom marido nem rei, pois terá olhos apenas para o tesouro do reino e não dará importância à rainha nem àqueles que o servem".
Comparo esta história com o homem que segue sua jornada, tão preocupado com seu exterior, isto é, seu corpo, que guarda como se fosse ouro, esquecendo de alimentar sua alma e espírito com o amor e com a Palavra de Deus.
Certamente não cumprirá a missão, já que não sabe guardar o que é mais importante!
Autor: Desconhecido

Blog coisas do Coração

heavenpic

Blog coisas do Coração

Além das Aparências

Antônio, um pai de família, um certo dia, quando voltava do trabalho dirigindo num trânsito bastante pesado, deparou-se com um senhor que dirigia apressadamente vinha cortando todo o mundo e, quando se aproximou do carro de Antonio, deu-lhe uma tremenda fechada, já que precisava
atravessar para a outra pista.
Naquela hora, a vontade de Antônio foi de xingá-lo e impedir sua passagem, mas logo pensou:
- Coitado! Se ele está tão nervoso e apressado assim...
Vai ver que está com um problema sério e precisando chegar logo ao seu destino.
Pensando assim, foi diminuindo a marcha e o deixou passar.
Chegando em casa, Antônio recebeu a notícia de que seu filho de três anos havia sofrido um grave acidente e fora levado ao hospital.
Imediatamente seguiu para lá e, quando chegou, sua esposa veio ao seu encontro e o tranqüilizou dizendo:
- Graças a Deus está tudo bem, pois o médico chegou a tempo para socorrer nosso filho.
Ele já está fora de perigo.
Antonio, aliviado, pediu que sua esposa o levasse até o médico para agradecê-lo.
Qual não foi sua surpresa quando percebeu que o médico era aquele senhor apressado para o qual ele havia dado passagem!
"Procure ver as pessoas além das aparências".
Imagine que por trás de uma atitude, existe uma história, um motivo que leva a pessoa a agir de determinada forma.
Pense nisso!
Autor Desconhecido

Blog coisas do Coração

Zxuhr7k

Blog coisas do Coração

A Mulher e o Gênio

Havia uma mulher corcunda magoada com o mundo, que vivia magoada com seu terrível calombo nas costas.
A mulher andava curvada, rastreando os cantos com seus olhos tristes, mal humorada, até que um dia encontrou um objeto mágico onde há séculos vivia um gênio, que se materializou na sua frente oferecendo-lhe quatros pedidos por sua libertação.
A mulher fez o primeiro:
- Eu queria ter uma casa mais bonita do que a chata da Dona Maria, aquela mulher fofoqueira....
Zás!!! Apareceu-lhe uma casa maravilhosa.
Veio o segundo pedido.
- Eu queria ter um carro muito mais bonito, possante e moderno do que o infeliz do Seu Zé.
Zás!!!! Surgiu em sua frente um carro sensacional.
Assim fez o terceiro pedido:
- Eu queria ter mais jóias do que a Dona Joana, aquela intragável.
Zás!!! Apareceram-lhe jóias maravilhosas.
Foi a vez do quarto e último pedido:
- Agora, gênio, eu quero que você realize meu último pedido: Que suma aquilo que trás as amarguras da minha vida, meu desgosto, meu maior defeito...
E Zás!!!!... de novo.
Sumiu-lhe a língua....
Autor Desconhecido

Blog coisas do Coração

Z1ayfhr7

Blog coisas do Coração

A Pintura

Um homem muito rico e seu filho tinham grande paixão pelas artes.
Tinham de tudo em sua coleção, desde Picasso até Rafael. Muito unidos, se sentavam juntos para admirar as grandes obras de arte.
Por uma desgraça do destino, seu filho foi para guerra.
Foi muito valente mas morreu na batalha, quando resgatava outro soldado.
O pai recebeu a notícia e sofreu profundamente a morte de seu único filho.
Um mês mais tarde, alguém bateu à sua porta...
Era um jovem com uma grande tela em suas mãos e foi logo dizendo ao pai:
"O senhor não me conhece, mas eu sou o soldado por quem seu filho deu vida, ele salvou muitas vidas nesse dia e estava me levando a um lugar seguro quando uma bala lhe atravessou o peito, morrendo instantaneamente.
Ele falava muito do senhor e de seu amor pelas artes.
O rapaz estendeu os braços para entregar a tela:
- "Eu sei que não é muito, e eu também não sou um grande artista, mas sei também que seu filho gostaria que o senhor recebesse isto"...
O pai abriu a tela. Era um retrato de seu filho, pintado pelo jovem soldado.
Ele olhou com profunda admiração a maneira com que o soldado havia capturado a personalidade de seu filho na pintura.
O pai estava tão atraído pela expressão dos olhos de seu filho, que seus próprios olhos encheram-se de lágrimas.
Ele agradeceu ao jovem soldado, e ofereceu-se para pagar-lhe pela pintura.
- "Não, senhor, eu nunca poderei pagar o que seu filho fez por mim!
Essa pintura é um presente"...
O pai colocou a tela à frente de suas grandes obras de arte, e a cada vez que alguém visitava sua casa, ele mostrava o retrato do filho, antes de mostrar sua famosa galeria.
O homem morreu alguns meses mais tarde e se anunciou um leilão de todas as suas obras de arte. Muita gente importante e influente chegou ao local, no dia e horário marcados, com grandes expectativas de comprar verdadeiras obras de arte.
Em exposição estava o retrato do filho.
O leiloeiro bateu seu martelo para dar início ao leilão:
"Começaremos o leilão com o retrato "O FILHO". Quem oferece o primeiro lance?
Quanto oferecem por este quadro?"
Um grande silêncio... Então um grito do fundo da sala:
"Queremos ver as pinturas famosas!!!,Esqueça-se desta!!!!"
O leiloeiro insistiu... "Alguém oferece algo por essa pintura?? R$100? R$200?"...
Mais uma vez outra voz: "Não viemos por esta pintura, viemos por Van Gogh, Picasso,... Vamos às ofertas de verdade"...
Mesmo assim o leiloeiro continuou... "Quem leva O FILHO?"
Finalmente, uma voz: "Eu dou R$10 pela pintura"...
Era o velho jardineiro da casa. Sendo um homem muito pobre, esse era o único dinheiro que podia oferecer.
Temos R$10! Quem dá R$20?" gritou o leiloeiro.
As pessoas já estavam irritadas, não queriam a pintura do filho, queriam as que realmente eram valiosas para sua coleção.
Então o leiloeiro bateu o martelo, "dou-lhe uma, dou-lhe duas, vendido por R$10!!!"
"Agora, vamos começar com a coleção!" gritou um.
O leiloeiro soltou seu martelo e disse: "Sinto muito damas e cavalheiros, mas o leilão chegou ao seu final".
"Mas, e as pinturas?" perguntaram os interessados.
"Eu sinto muito", disse o leiloeiro, "quando me chamaram para fazer o leilão, havia um segredo estipulado no testamento do antigo dono.
Não seria permitido revelar esse segredo até esse exato momento.
Somente a pintura O FILHO seria leiloada; aquele que a comprasse, herdaria absolutamente todas as suas posses, inclusive as famosas pinturas.
O homem que comprou O FILHO fica com tudo!..."
Reflexão: Deus entregou seu único e amado filho, para morrer por nós numa cruz há 2000 anos atrás.
Assim, como o leiloeiro, a mensagem hoje é: "Quem ama o Filho tem tudo com o Pai, e herdará suas riquezas.
Deus não mente.
Ele é perfeito.
Sua palavra nos deixa os ensinamentos e as promessas para quem O ama".
Compartilhe essa mensagem, com um amigo, alguém que goste muito. Sua vida não é uma coincidência, é o reflexo do amor de Deus por ti...

Autor Desconhecido

http://eumorenaapaixonada.blogspot.com/Blog coisas do Coração

Olsen04

Blog coisas do Coração

Círculo do Amor

Ele quase não viu a senhora, com o carro parado no acostamento. Mas percebeu que ela precisava de ajuda.
Assim parou seu carro e se aproximou.
O carro dela cheirava a tinta, de tão novinho. Mesmo com o sorriso que ele
estampava na face, ela ficou preocupada.
Ninguém tinha parado para ajudar durante a última hora.
Ele iria aprontar alguma? Ele não parecia seguro, parecia pobre e faminto.
Ele pôde ver que ela estava com muito medo e disse: - "Eu estou aqui para ajudar madame. Por que não espera no carro onde está quentinho?
A propósito, meu nome é Bryan".
Bem, tudo que ela tinha era um pneu furado, mas para uma senhora era ruim o bastante. Bryan abaixou-se, colocou o macaco e levantou o carro.
Logo ele já estava trocando o pneu.
Mas ele ficou um tanto sujo e ainda feriu uma das mãos.
Enquanto ele apertava as porcas da roda ela abriu a janela e começou a conversar com ele. Contou que era de St.Louis e só estava de passagem por ali e que não sabia como agradecer pela preciosa ajuda.
Bryan apenas sorriu enquanto se levantava.
Ela perguntou quanto devia. Qualquer quantia teria sido muito pouco para ela.
Já tinha imaginado todos as terríveis coisas que poderiam ter acontecido se Bryan não tivesse parado. Bryan não pensava em dinheiro.
Aquilo não era um trabalho para ele. Gostava de ajudar quando alguém tinha necessidade e Deus já lhe ajudara bastante.
Este era seu modo de viver e nunca lhe ocorreu agir de outro modo. Ele respondeu:
- "Se realmente quiser me reembolsar, da próxima vez que encontrar alguém que precise de ajuda, dê para aquela pessoa a ajuda que precisar".
E acrescentou: "... e pense em mim". Ele esperou até que ela saísse com o carro e também se foi.
Tinha sido um dia frio e deprimido, mas ele se sentia bem, indo pra casa,
desaparecendo no crepúsculo.
Algumas milhas abaixo a senhora encontrou um pequeno restaurante.
Ela entrou para comer alguma coisa. Era um restaurante sujo.
A cena inteira era estranha para ela.
A garçonete veio até ela e trouxe-lhe uma toalha limpa para que pudesse esfregar e secar o cabelo molhado e lhe dirigiu um doce sorriso, um sorriso que mesmo os pés doendo por um dia inteiro de trabalho não pôde apagar.
A senhora notou que a garçonete estava com quase oito meses de gravidez, mas ela não deixou a tensão e as dores mudarem sua atitude.
A senhora ficou curiosa em saber como alguém que tinha tão pouco, podia tratar tão bem a um estranho. Então se lembrou de Bryan.
Depois que terminou a refeição, enquanto a garçonete buscava troco para a nota de cem dólares, a senhora se retirou. Já tinha partido quando a
garçonete voltou.
A garçonete ainda queria saber onde a senhora poderia ter ido quando notou algo escrito no guardanapo, sob o qual tinha mais 4 notas de $100 dólares.
Havia lágrimas em seus olhos quando leu o que a senhora escreveu. Dizia:
"Você não me deve nada, eu já tenho o bastante. Alguém me ajudou uma vez e da mesma forma estou lhe ajudando. Se você realmente quiser me reembolsar não deixe este círculo de amor terminar com você".
Bem, havia mesas para limpar, açucareiros para encher, e pessoas para servir.
Aquela noite, quando foi para casa e deitou-se na cama, ficou pensando no
dinheiro e no que a senhora deixou escrito. Como pôde aquela senhora saber o quanto ela e o marido precisavam disto?
Com o bebê para o próximo mês, como estava difícil! Ela virou-se para o preocupado marido que dormia ao lado, deu-lhe um beijo macio e sussurrou:
"Tudo ficará bem; eu te amo, Bryan".
Autor Desconhecido

Blog coisas do Coração

Cópia de Z191co6h

Blog coisas do Coração

Era uma vez

Era uma vez um garoto que nasceu com uma doença que não tinha cura. Tinha 17 anos e podia morrer a qualquer momento. Sempre viveu na casa de seus pais, sob o cuidado constante de sua mãe. Um dia decidiu sair sozinho e, com a permissão da mãe, caminhou pela quadra, olhando as vitrines e as pessoas que passavam. Ao passar por uma loja de discos, notou a presença de uma garota, mais ou menos de sua idade, que parecia ser feita de ternura e beleza. Foi amor à primeira vista. Abriu a porta e entrou, sem olhar para mais nada que não a sua amada. Aproximou-se timidamente chegou ao balcão onde ela estava. Quando o viu, ela deu-lhe um sorriso e perguntou se podia ajudá-lo em alguma coisa. Era o sorriso mais lindo que ele já havia visto, e a emoção foi tão forte que ele mal conseguiu dizer que queria comprar um CD. Pegou o primeiro que encontrou, sem nem olhar de quem era, e disse: _Esse aqui. _Quer que embrulhe pra presente? Perguntou a garota, sorrindo ainda mais. Ele balançou a cabeça para dizer que sim e disse: _É para mim mesmo, mas gostaria que você embrulhasse. Ela saiu do balcão e voltou, pouco depois, com o CD muito bem embalado. Ele pegou o pacote e saiu, louco de vontade de ficar por ali, admirando aquela figura divina. Daquele dia em diante, todas as tardes voltava à loja de discos e comprava um CD qualquer. Todas as vezes a garota deixava o balcão e voltava com um embrulho cada vez mais bem feito, que ele guardava no closet, sem nem ao menos abrir. Ele estava apaixonado, mas tinha medo da reação dela, e assim, por mais que ela sempre o recebesse com um sorriso doce, não tinha coragem de convidá-la para sair e conversar. Comentou sobre isso com sua mãe e ela o incentivou muito a chamá-la para sair. Um dia ele se encheu de coragem e foi para a loja. Como todos os dias comprou outro CD e, como sempre, ela foi embrulhá-lo. Quando ela não estava vendo, escondeu um papel com o seu nome e telefone no balcão e saiu da loja correndo. No dia seguinte o telefone tocou e a mãe do jovem atendeu. Era a garota perguntando por ele. A mãe, desconsolada, nem perguntou quem era, começou a soluçar e disse:
_Então, você não sabe? Ele faleceu esta manhã.
Mais tarde, a mãe entrou no quarto do filho, para olhar suas roupas e ficou muito surpresa com a quantidade de CDs, todos embrulhados. Ficou curiosa e decidiu abrir um deles. Ao fazê-lo viu cair um pequeno pedaço de papel, onde estava escrito: Você é muito simpático, não quer me convidar para sair? Eu adoraria. Emocionada, a mãe abriu outro CD e dele também caiu um papel que dizia o mesmo, e assim todos quantos ela abriu traziam uma mensagem de carinho e esperança de conhecer o rapaz. Assim é a vida: não espere demais para dizer a alguém especial aquilo que você sente. Diga já, amanhã pode ser muito tarde. Essa mensagem foi escrita para fazer as pessoas refletirem e assim, pouco a pouco, tentar mudar o mundo. E também para dizer que você é muito especial. Aproveite e fale, escreva, telefone e diga ainda o que não foi dito. Não deixe para amanhã. Quem sabe não dê mais tempo...
(Autor desconhecido)

Blog coisas do Coração

Z1o18zj

Blog coisas do Coração

Haja o que houver

Na Romênia, um homem dizia sempre a seu filho:
Haja o que houver, eu sempre estarei a seu lado.
Houve nesta época um terremoto de intensidade muito grande, que quase arrasou as construções lá existentes nesta época.
Estava nesta hora este homem em uma estrada. Ao ver o ocorrido, correu para casa e verificou que sua esposa estava bem, mas seu filho estava na escola.
Foi imediatamente para lá. E a encontrou totalmente destruída. Não restou, uma única parede de pé...
Tomado de uma enorme tristeza. Ficou ali ouvindo, a voz feliz de seu filho e sua promessa (não cumprida). Haja o que houver, eu estarei sempre a seu lado.
Seu coração estava apertado e sua vista apenas enxergava a destruição.
A Voz de seu filho e sua promessa não cumprida, o dilaceravam.
Mentalmente percorreu inúmeras vezes o trajeto que fazia diariamente segurando sua mãozinha.
O portão (que não mais existia);
Corredor ...
Olhava as paredes, aquele rostinho confiante.
Passava pela sala do 3º ano, virava o corredor e o olhava ao entrar.
Até que resolveu fazer em cima dos escombros, o mesmo trajeto.
Portão...
Corredor...
Virou a direita e parou em frente ao que deveria ser a porta da sala.
Nada!
Apenas uma pilha de material destruído. Nem ao menos um pedaço de alguma coisa que lembrasse a classe.
Olhava tudo desolado.
E continuava a ouvir sua promessa.
Haja o que houver, eu sempre estarei com você.
E ele não estava... Começou a cavar com as mãos. Nisto chegaram outros pais, que embora bem intencionados, e também desolados, tentavam afastá-lo de lá dizendo:
Vá para casa. Não adianta, não sobrou ninguém.
Vá para casa.
Ao que ele retrucava:
Você vai me ajudar?
Mas ninguém o ajudava, e pouco a pouco, todos se afastavam. Chegaram os policiais, que também tentaram retirá-lo dali, pois viam que não havia chance de ter sobrado ninguém com vida.
Haviam outros locais com mais esperança.
Mas este homem não esquecia sua promessa ao filho, a única coisa que dizia para as pessoas que tentavam retirá-lo de lá era :
Você vai me ajudar ?
Mas eles também o abandonavam. Chegaram os bombeiros, e foi a mesma coisa...
Saia daí, não está vendo que não pode ter sobrado ninguém vivo ?
Você ainda vai por em risco a vida de pessoas que queiram te ajudar pois continuam havendo explosões e incêndios.
Ele retrucava :
Você vai me ajudar?
Você está cego pela dor não enxerga mais nada. Ou então é a raiva da desgraça.
Você vai me ajudar?
Um a um todos se afastavam. Ele trabalhou quase sem descanso, apenas com pequenos intervalos, mas não se afastava dali. 5, 10, 12, 22, 24, 30 horas.
Já exausto, dizia a si mesmo que precisava saber se seu filho estava vivo ou morto.
Até que ao afastar uma enorme pedra, sempre chamando pelo filho, ouviu:
Pai ...estou aqui!
Feliz fazia mais força para abrir um vão maior e perguntou:
Você esta bem?
Estou. Mas com sede , fome e muito medo.
Tem mais alguém com você?
Sim, dos 36 da classe 14 estão comigo estamos presos em um vão entre dois pilares.
Estamos todos bem. Apenas conseguia se ouvir seus gritos de alegria.
Pai , eu falei a eles: Vocês podem ficar sossegados, pois meu pai irá nos achar.
Eles não acreditavam, mas eu dizia a toda hora ...Haja o que houver, meu pai, estará sempre a meu lado.
Vamos, abaixe-se e tente sair por este buraco.
Não! Deixe eles saírem primeiro... Eu sei que haja o que houver...
Você estará me esperando!
(Esta história é verídica)
É bom sabermos também que haja o que houver DEUS sempre está ao nosso lado.
Pense nisso da próxima vez que você desanimar, por algum motivo...
Autor Desconhecido

Blog coisas do Coração

jesuswordheader

Blog coisas do Coração